PROPOSTA PEDAGÓGICA

A Proposta Pedagógica do Colégio Regina Coeli está alicerçada nas Diretrizes Educacionais e Evangelizadoras da Rede de Educação Cabriniana que estabelece o marco referencial desde a identidade institucional – sua missão, visão, valores e as características da espiritualidade e do carisma que devem permear as ações da cada unidade educacional – até os propósitos de natureza pedagógica e situacional que embasam as orientações aos educadores, indicando o que se espera ver revelado nos planejamentos de aulas e as demais atividades realizadas pela escola, ou seja , na prática pedagógica O Colégio Regina Coeli como membro da Rede Educação Cabriniana fundamenta sua prática em alguns diferenciais pedagógicos: Ciclos de Aprendizagem, Sequência Didática e Projeto de Vida.

EDUCAÇÃO INFANTIL

A Educação Infantil caracteriza-se por ser o momento de inserção da criança no universo escolar. Portanto, nessa fase, é função da escola acolher as crianças em suas necessidades individuais e, ao mesmo tempo, inseri-las no ambiente coletivo. Nessa etapa da vida escolar, favorecemos as interações sociais, possibilitando o estabelecimento de laços afetivos, o que contribui para o reconhecimento de si próprio e do outro, estimulando o convívio e o respeito às diferenças. Com o intuito de propiciar ao aluno mais segurança, criam-se condições para que esse processo de troca, de envolvimento social, seja realizado de maneira progressiva. O brincar, o cuidar e o aprender são pilares essenciais da prática pedagógica. A promoção do desenvolvimento pluri dimensional da criança, completando os aspectos físico, cognitivo, social e emocional, tem como eixos norteadores:

• Acolher, cuidar e educar de forma lúdica e significativa, considerando tanto as necessidades individuais quanto as diferentes fases e níveis de aprendizagem;

• Iniciar a formação de cidadãos com valores ético – cristãos;

• Desenvolver as habilidades sociais e cognitivas necessárias à aprendizagem, utilizando as diferentes linguagens ( corporal, musical, plástica, oral e escrita) ajustadas às diferentes intenções e situações de aprendizagem;

• Incentivar a expressão de ideias, sentimentos, necessidades e desejos, para que a criança avance no processo de construção de significados;

• Criar situações para que a criança possa descobrir e conhecer progressivamente seu corpo, suas potencialidades e seus limites, desenvolvendo e valorizando hábitos de cuidado com a própria saúde e bem -estar;

• Estimular na criança a ampliação das relações sociais, com vistas a fortalecer sua autoestima e ampliar, gradativamente, suas possibilidades de comunicação e interação social;

• Favorecer o brincar como meio de desenvolvimento cognitivo, social e motor;

• Regular, de acordo com suas necessidades pessoais e da vida em grupo o seu próprio comportamento em situações de vida diária e em situações especiais.